“As pessoas são a chave do sucesso profissional”, conta superintendente da Unimed Petrópolis

Por meio da gestão de pessoas, Jair Costa Junior lidera processo de reestruturação econômico-financeira da cooperativa

Entre ruas e morros da favela da Rocinha no Rio de Janeiro, Jair Costa Junior passava suas horas pedalando e jogando bola. De infância humilde e com poucos recursos, o jovem trilhou caminho de obstáculos e de provações até a superintendência da Unimed Petrópolis. “Não foram poucas dificuldades, mas elas me tornaram mais forte e obstinado que sou hoje”.

Aos seis anos, estudante do ensino público, Jair Costa teve sua trajetória de vida e profissional transformada por uma educadora. “Uma professora de matemática me trouxe uma expectativa nova de vida, pois acreditava no meu potencial e me incentivava a sempre buscar o melhor. Foi por meio desse incentivo que iniciei a graduação, o que foi um divisor de águas no meio de um ambiente sem perspectiva alguma de formação educacional”.

Em 1998, enquanto Jair Costa cursava Estatística e trabalhava como assessor de uma operadora de Saúde, o governo brasileiro publicava a Lei nº 9.656, que trazia a obrigatoriedade de cada operadora ter um Atuário como responsável técnico pela formação de preço dos planos. “Foi nesse momento que procuramos uma empresa especializada nessa função para auxiliarmos.”

O executivo conheceu a Strategy Consultoria, e em 2000 o executivo migrou a empresa, como estagiário, tendo alcançado a condição de sócio em três anos. “Meu início na empresa coincide com a criação da Agência Nacional de Saúde e, dessa forma, acompanhei de perto a publicação de todas as suas resoluções, treinando e capacitando mais de vinte operadoras do segmento de saúde suplementar.”

Com profundo conhecimento adquirido sobre o setor e sua regulamentação, Júnior foi convidado, em 2008, a assumir a gerência executiva da Unimed Leste Fluminense, no Rio de Janeiro. “Eu tinha o desejo de transformar e construir algo verdadeiramente bom e, então, resolvi aceitar o convite”.

No setor comercial, o executivo expandiu a carteira de clientes de pouco mais de 130 mil vidas para 200 mil vidas (55%), tendo, ainda, alterado o modelo de comercialização de quantitativo para qualitativo.

“Como resultado dos projetos planejados, implementados e controlados na área comercial, consegui a receita da operadora em mais de R$ 50 milhões, face ao crescimento da carteira de clientes em mais de 10% e a renegociação dos principais contratos coletivos”.

Em 2014, na busca por novos desafios, o executivo se aventurou por novas regiões do Brasil. Jair Costa foi convidado a ser superintendente de Gestão e Planejamento Empresarial da Unimed Fortaleza. “Os profissionais de lá são verdadeiramente muito bons e eu tive que me esforçar muito para me destacar. Foi uma das experiências mais gratificantes da minha carreira”.

De volta à terra

Apesar de se estabelecer em terras nordestinas, a distância de casa e a da família deixada no Rio de Janeiro fizeram com que o executivo mudasse seu rumo profissional. Em 2017, Jair Costa aceitou a vaga de Superintendente Executivo da Unimed Petrópolis, cargo que exerce até hoje.

“Seguramente, eu posso dizer que foi o maior desafio da minha carreira. Eu encontrei uma cooperativa com muitos problemas, então eu precisei entender tudo o que estava acontecendo para identificar os obstáculos para depois construir caminho.”

A partir daí o executivo liderou um o Plano de Ação de Curtíssimo Prazo que permitiu o equacionamento e o pagamento do passivo constituído no passado com a rede prestadora, a redução do índice de sinistralidade de 92,80% em 2016 para 81,66% em 2019, o encerramento do ciclo perverso de prejuízos econômicos recorrentes, a melhora de todos os indicadores econômicos encontrados quando da sua construção e uma expressiva evolução dos ativos financeiros da cooperativa.

A dedicação da gestão resultou no prêmio a cooperativa de Referências da Saúde do Healthcare Innovation Show (HIS), como melhor case na categoria Gestão Administrativo-financeira, pela crescimento econômico-financeiro da cooperativa em aproximadamente três anos.

Com essa retomada, a cooperativa pretende realizar novos investimentos, como a criação de um serviço próprio de oncologia, a criação de um aplicativo para uma gestão mais eficiente do custo com exames e a terceirização do gerenciamento de saúde.

Mas o executivo ressalta que todas as conquistas adquiridas até hoje e as próximas que virão, só foram possíveis graças a cada colaborador envolvido. “Se eu pudesse dar um conselho, diria para deixar de lado os processos burocráticos e daria espaço a gestão de equipe. Elas serão o grande diferencial na sua vida e na sua carreira. Com certeza, posso dizer que as pessoas são a chave do sucesso profissional”.

Próximo Post
  ASSINE A NEWSLETTER

WEBINÁRIO | Covid-19

HCM | Edição 72

Assine as revistas do Grupo Mídia

Quer falar com o mercado da saúde?
Fale com a gente!

16 3913 – 9800

Assinaturas e circulação: assinatura@grupomidia.com
Atendimento ao leitor: atendimento@grupomidia.com
Redação: redacao@grupomidia.com
Comercial: comercial@grupomidia.com

Casino siteleri

- Kalebet -
Holiganbet
- Meritroyalbet giriş - mersin escort - www.mersindugun.com - Trbet giriş