Ideias, Tendências, Líderes e Práticas

Sistema Unimed lança Projeto Bahia e fortalece a presença no Estado

O novo modelo de atuação será operacionalizado em Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Ilhéus e Itabuna

A Central Nacional Unimed anuncia novo modelo de negócios, em parceria com as Unimeds de Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Ilhéus e Itabuna. O Projeto Bahia vai ampliar a atuação da operadora de planos de saúde nesses municípios e tem o propósito de fortalecer a presença da Unimed no Estado, contribuindo para a melhoria da gestão e do atendimento aos clientes locais.

O Projeto Bahia faz parte do programa de reestruturação do Sistema Unimed, cuja principal característica é modificar o modelo de atuação no Estado, criando condições para que, em algumas cidades, cooperativas médicas Unimed deixem de atuar como operadoras de planos de saúde, passando a se dedicar exclusivamente à prestação de serviços médicos. A princípio, será implementado nos municípios de Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Ilhéus e Itabuna. Em Santo Antônio de Jesus a virada acontece neste mês de novembro.

Nas cidades inseridas no Projeto Bahia, a Central Nacional Unimed passa a atuar como operadora dos planos de saúde, assumindo toda a operação com clientes, rede credenciada e responsabilidades regulatórias. Ao passo que as Cooperativas de Trabalho Unimed focam no papel de prestadoras de serviços médicos.

“O trabalho das cooperativas médicas será voltado exclusivamente aos médicos cooperados e a viabilizar uma rede credenciada de qualidade. Essa parceria é a grande premissa do Projeto, que dará ainda mais força ao cooperativismo médico no Estado”, explica Alexandre Ruschi, presidente da Central Nacional Unimed. Ele destaca que o objetivo é garantir a sustentabilidade das cooperativas Unimed.

Passo a passo

A Central Nacional Unimed está construindo novas parcerias com as cooperativas Unimed que atuam em várias regiões do Estado. “Em algumas praças o diálogo avança, e em breve teremos novas cidades integradas ao Projeto Bahia” adianta Alexandre Ruschi.

“O Estado tem importância estratégica para a Unimed e enxergamos um potencial de crescimento bastante interessante para o sistema como um todo. Nossa chegada irá fortalecer a gestão das unidades cooperadas, deixando com que foquem no que fazem de melhor que é o trabalho médico”, diz Ruschi. O presidente da Central Nacional Unimed explica, ainda, que o Estado tem uma rede médica de alto nível.

“A primeira faculdade de medicina do Brasil foi instalada na Bahia, isso diz muito sobre a evolução da carreira médica no Estado”. Porém, ele ressalta que essa mudança faz parte da reestruturação do Sistema Unimed, que está acontecendo em algumas cooperativas do sistema.

Com sede em São Paulo, a Central Nacional Unimed mantém uma unidade de negócios em Salvador. “Toda a operação na Bahia é realizada por profissionais que trabalham especificamente neste mercado, vivendo e sentindo as necessidades locais”, resume Luiz Eduardo Perez, superintendente de Novos Negócios da Unimed. A Central Nacional Unimed é a terceira maior operadora de planos de saúde do Brasil.