Clicky

Plataforma Healthcare Management. Ideias, Tendências, Líderes e Práticas - Healthcare Management

Nelcina Tropardi assume a liderança de ESG na Dasa

Rede de saúde integrada anuncia chegada de nova diretora de Jurídico, ESG, Relações Governamentais e Auditoria Interna da companhia

A Dasa reforça o time de sustentabilidade e anuncia a chegada de Necilna Tropardi como nova diretora de Jurídico, ESG, Relações Governamentais e Auditoria Interna da organização, se reportando diretamente ao presidente da empresa, Pedro Bueno.

A executiva possui mais de 25 anos de experiência em assuntos jurídicos e corporativos em multinacionais no Brasil e na América Latina, como Unilever, Pirelli, Diageo e Heineken. Necilna experiência em Direito, Assuntos Corporativos, Sustentabilidade, Ética e Compliance, interagindo com ministérios, órgãos governamentais e agências reguladoras. Além disso, ela é presidente da Diretoria Nacional da ABA – Associação Brasileira de Anunciantes e membro do Conselho Superior do CONAR – Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária.

“O setor de saúde ganhou enorme destaque nos últimos anos e sua força se mantém até hoje, inclusive, com uma preocupação crescente com ESG. Essas duas pautas tão importantes estão diretamente interligadas na Dasa e venho contribuir com um time que já desenvolve um trabalho ‘de E a G’ dentro do segmento”, diz Nelcina Tropardi.

ESG na Dasa

Para a Dasa, a visão sobre ESG está relacionada a proporcionar saúde e bem-estar às pessoas que cuidam (seus colaboradores), ao meio-ambiente (com redução de emissões e de consumo de recursos, incluindo energia) e à comunidade (o próprio planeta).

Essa proposta é materializada em diferentes projetos, como o movimento junto à Rede Mondó para formar parteiras no município de Breves, no Pará, uma das regiões com menor IDH do País. Além disso, o Hospital Nove de Julho, em São Paulo, desde 2020, adota aventais reutilizáveis principalmente pelos colaboradores da assistência direta à pacientes, e são feitos de tecido com hidro-repelência, que possibilita o seu reuso. A ação garantiu a economia de 1,7 milhão de aventais após dois anos.

Outro projeto importante envolve as unidades de diagnósticos da Dasa: até o fim do ano, 75 unidades serão migradas para o Ambiente de Contratação Livre (ACL) e a companhia está construindo 17 usinas solares no modelo autoconsumo remoto, para atender a 385 unidades próprias da Dasa Diagnósticos de baixa tensão.

Próximo Post

HCM | Edição 85

HealthARQ - Edição 38 - Bia Gadia

HealthARQ - Edição 38 - Lauro Miquelin

HealthARQ - Edição 38 - Daniel Mendez

Health-IT Prêmio '22

  ASSINE A NEWSLETTER

Assine as revistas do Grupo Mídia

Quer falar com o mercado da saúde?
Fale com a gente!

16 3913 – 9800

Assinaturas e circulação: assinatura@grupomidia.com
Atendimento ao leitor: atendimento@grupomidia.com
Redação: redacao@grupomidia.com
Comercial: comercial@grupomidia.com