Ideias, Tendências, Líderes e Práticas

Obras de adaptação de teatro em unidade de saúde são iniciadas em Cubatão

Até o final do ano, equipamento receberá serviços de hemodiálise, oncologia e câmara hiperbárica

Começaram as obras de adaptação do prédio inacabado do Teatro Municipal de Cubatão. Ele receberá serviços de hemodiálise, oncologia e câmara hiperbárica integrados ao Hospital Municipal de Cubatão. A previsão da Fundação São Francisco Xavier (FSFX), que gerencia o hospital, é iniciar, em 90 dias, os serviços em um Centro Oncológico nesse anexo.

Até o final do ano, passarão a ser atendidos também no local os pacientes que necessitam de hemodiálise e oxigenoterapia. 

Segundo o superintendente do Hospital Municipal, Abner Moreira Junior, primeira etapa utilizará uma área de 585 metros quadrados para a construção da infraestrutura (recepção, consultórios, áreas de apoio e leitos) necessária para oncologia.

Em outra fase, que deverá ser concluída até o final do ano, as demais áreas do anexo serão reformadas para hemodiálise, com 15 cadeiras, atendimento diário de até 70 pessoas em dois turnos, e uma câmara hiperbárica para oxigenoterapia, que acelera a recuperação dos pacientes. Os leitos para quimioterapia serão individuais, garantindo a privacidade dos pacientes.

De acordo com o projeto de arquitetura do anexo hospitalar, a entrada do Centro Oncológico será pela Avenida Henry Borden, enquanto o centro de hemodiálise e oxigenoterapia ficará de frente para a Avenida Nova de Abril. A fundação afirma que os investimentos para reabrir o Hospital, que ocorreu em dezembro, e reformar o anexo totalizam 9,3 milhões.

Fonte: A Tribuna