Ideias, Tendências, Líderes e Práticas

Antônio Britto deixa presidência da Interfarma

Presidente-executivo ocupava o cargo há nove anos

A INTERFARMA (Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa), informou através de comunicado no site, que Antônio Britto não é mais o Presidente-executivo da entidade. Segundo a associação, que representa 51 laboratórios farmacêuticos, responsáveis pela inovação em saúde, Britto, passará a ocupar o cargo de Presidente do Conselho Consultivo da Entidade a partir do dia 10 de junho de 2018.

O diretor de Acesso ao Mercado da INTERFARMA, Pedro Bernardo, assumiu interinamente as funções executivas até a chegada, de uma nova liderança na Entidade. Pedro começou a responder como executivo na segunda-feira, dia 14 de maio.

Pedro Bernardo é economista, trabalhou por mais de 20 anos em diversos cargos do governo, como Chefe do Núcleo de Assessoramento e Regulação Econômica, Secretário Executivo Adjunto da CMED (Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos) e Gerente Geral de Regulação Econômica e Monitoramento de Mercado. Pedro Bernardo tem larga experiência na relação institucional com diversos órgãos, instituições públicas e privadas e organismos oficiais.

Antônio Britto terá como principal atribuição assessorar a Entidade neste momento de transição, dando suporte à equipe executiva e à futura liderança da INTERFARMA.

Britto é jornalista e foi deputado, exercendo mandato de 1987 a 1994. Em 1994 foi eleito governador do Rio Grande do Sul pelo PMDB. Em 1985, foi secretário de Imprensa da Presidência da República, durante o governo Tancredo Neves.

 

Fonte: Interfarma